Livros que falam de futebol para as crianças

É tempo de futebol, mais do que noutros tempos! Confesso que, neste ano, me sinto um pouco menos motivada. Não pelo brilho do esporte em si e tudo de valores, alegria e confraternização que ele traz consigo, e eu acredito nisso! Porém, no país em que vivemos, me entristece vê-lo, infeliz e indevidamente, sendo objeto para transvestir alienação em felicidade, tranquilidade e plenitude, e conduzir muitos a conceitos errados de conquistas e vitórias de uma nação inteira.

Passamos por um dos períodos mais difíceis para a democracia e para o patriotismo brasileiro. Não há consenso sobre o respeito e se disseminam verdades que atrasam, fomentam preconceitos, minam a humanidade. Mas acredito na força do esporte para a  transformação de realidades sim. Muitos desses jogadores são exemplos de superação e de solidariedade. Eu acredito nos valores que eles espalham.

E alinhada ao conceito de que o mundo está aí para ser vivido, descoberto e compreendido também pelas crianças, de maneira questionadora, crítica, mas sem fanatismos, aqui em casa vamos sim fazer pipoca, suco de maracujá e curtir o futebol da nossa seleção, dentro da importância e da alegria que lhe cabem.

Para nós, a literatura é sempre um caminho que nos ajuda a compreender mundos. O futebol e os sonhos que o circurdam são desses mundos. Trouxe, hoje, títulos da nossa biblioteca  que podem ajudar  vocês também  na conversa sobre futebol e Copa do Mundo com as crianças. Minha frustração é de não ter encontrado muitos títulos em que coloquem as meninas também como protagonistas das histórias de amor ao futebol. Na relação abaixo, um deles fala da menina Marina. E é bacana acompanhar Marina numa grande conquista! Como me escreveu o autor de um dos livros que sugiro, Flávio Paiva, “futebol é alegria!”.

 

RODRIGO BOM DE BOLA

 

O futebol aqui costura uma narrativa de respeito e acolhimento. O que esperar de crianças respeitadas por seus limites e deficiências, crianças acreditadas? O que esperar de uma convivência em que há compreensão e esforço para tornar o dia a dia de todos adaptado e possível ao desfrute de experiências comuns? No livro, o menino Rodrigo é cego e joga um bolão! Aliás, ele não joga apenas futebol muito bem, mas xadrez, dominó, jogo de baralho.. tudo graças à criatividade da adaptação. Em um dia decisivo para o time do Rodrigo, ele mostra como e por que é o craque do time! Mais ainda: Como é possível acolhermos as deficiências uns dos outros e vivermos uma convivência pacífica e respeitosa, nesse caso, praticando esportes e brincando juntos.

O autor da história é completamente cego desde que nasceu, superou as dificuldades e formou-se em Letras. Começou a escrever contos, crônicas e também literatura para crianças. Há quase trinta anos se dedica aos movimentos de inclusão social.

Serviço:
Rodrigo Bom de Bola
Autor: Markiano Charan Filho
Ilustrações de Valeriano
Editora: Nova Alexandria
Coleção: Volta e Meia
2ª edição: São Paulo, 2007
Preço médio: R$ 32,40 (Saraiva)

 

O MENINO QUE AMAVA FUTEBOL 

O esporte e o futebol podem sim transformar vidas. Mas, antes disso, ele pode transformar rotinas, enchê-las de esperança, de alegria, de garra, de confiança em si. Quem joga, ali no campinho do bairro, na quadra da escola, ou, como o personagem do livro, no caminho de volta para casa, faz daqueles minutos o tempo de plenitude. Nosso personagem, de tão atento à “bola”, faz-se herói em seu trajeto, encoraja-se a vencer obstáculos perigosos, despreza riscos, como o transito, ignora até o encontro com o poeta Carlos Drumond de Andrade.

Como na vida, pelo amor ao esporte, ele vai construindo a arena com que sonha, se vê protagonista nela, e herói, apesar de todas as dificuldades de menino pobre que a imaginação da infância não limita. O livro não tem palavras, apenas imagens, o que o torna ainda mais encantador.

Serviço:
O menino que amava Futebol
Autor: Glauco Sobreira, com ilustrações do próprio autor
Editora: Edições Demócrito Rocha
1ª edição: Fortaleza, 2014
Preço médio: R$ 43,90 (Livraria Dummar)

 

CHUTEIRA DOURADA

A paixão pelo futebol que passa de pai para filho, que fortalece o vínculo de afeto e também ensina lições como a paciência.  No livro, Flávio traz o filho Arthur como personagem principal apaixonado pelo esporte do coração de quase todos os brasileiros. Arthur descobre um modelo de chuteira na internet e se apaixona por ele. As chuteiras são douradas e dá até para gravar o nome! Combina, então, com o pai de comprar, mas usar apenas no dia do seu aniversário, relativamente, próximo dali, mas, até lá…. nossa! Quantos dias infinitos, heim, Arthur!? Principalmente, se as chuteiras dos sonhos chegam antes e Arthur precisa conviver com elas, sem tirá-las da caixa, como combinado, aguardando o tão sonhado dia do aniversário. Será que ele consegue convencer o pai sobre usá-las antes do aniversário? Haja argumentos! Uma narrativa marcante, emocionante, educativa.

Serviço:
Chuteira Dourada
Autor: Flávio Paiva
Ilustrações: Julião Júnior
Editora: Armazém da Cultura
1ª edição: Fortaleza, 2014
Preço médio: R$ 23,39 (Mercado Livre)

 

MINHA ESTRELA VAI BRILHAR 

Brilhar nos campos de futebol mundo a fora é um sonho de muitas crianças. Pelé, Garrincha, Ronaldo e, agora, Neymar, são inspirações que vivem nos desejos de muitos meninos e meninas. Fabinho Faísca e a irmã caçula Marina moram na favela, vivem uma vida cheia de dificuldades, mas que têm no futebol a esperança para seguir acreditando. Convivem com amigos que são heróis no campinho da comunidade, mas que no dia a dia se revestem da realidade, dura realidade. Em cada atividade que os amigos trabalham para ajudarem suas famílias, como vender água de coco na praia, engraxar sapatos na escadaria, pintar os carros alegóricos que vão brilhar no fevereiro seguinte, pescar, Fabinho reconhece habilidades que se destacam no futebol dos amigos.

Um dos méritos do livro é trazer para a história o também obstinado interesse por futebol da irmã do Fabinho, a menina que ama brincar de bola que pouco vemos nos livros, mas que existem tantas por aí. Marina aqui também é destaque e faz surpresa emocionante no jogo decisivo do time do irmão, na comunidade. Uma linda história da autora iraniana.

Serviço:
Minha estrela vai brilhar
Autor: MIna Javaherbin
Ilustrações: Renato Alarcão
Editora: Rovelle
1ª edição: Rio de Janeiro, 2014
Preço médio: R$ 21,90 (Saraiva)

 

 

Para atenuar um pouco a ausência das meninas nos livros de futebol, olha essa música linda da dupla Palavra Cantada. Gosto demais dela!

Menina Moleca

 

Vamos viver a Floresta do Curió! Saiba como participar do Experiência 3

O Terceiro Experiência chegou! Que alegria! Vamos para mais um lugar lindo da nossa cidade! Vamos para a Floresta do Curió, na manhã do próximo dia 24, viver a área, considerada pela Secretaria do Meio Ambiente do Estado (Sema), a última reserva de Mata Atlântica da Capital cearense. Vamos conhecer pequenos riachos e experienciar 57,35 hectares de uma região onde já foram catalogadas mais de 92 espécies de animais e 80 espécies de árvores nativas.

Além disso, vamos fazer piquenique com comidas típicas deste mês junino, ler, conversar sobre memórias, sobre a formação do bairro Curió, saber sobre a importância de presevarmos as florestas urbanas e brincar livre à sombra de um frondoso Angelim (árvore nativa de madeira nobre e crescimento lento). O ingresso individual para participar desta edição é R$ 40 (ver promoções abaixo!) + 1 livro usado, que será doado à Livro Livre Curió – Biblioteca Comunitária, parceira do Vida Ciranda neste Experiência. Disponibilizaremos somente 25 vagas. Corre!

 

 

 

 

Parceiros e Convidados
A Livro Livre Curió – Biblioteca Comunitária é idealizada e conduzida pelo escritor, poeta, agente cultural Talles Azigon, nosso primeiro entrevistado no Canal Vida Ciranda, semana passada. A Biblioteca existe há quase três meses, movimentando a aproximação e o bem querer pela leitura e pela literatura da comunidade do Curió, principalmente crianças e jovens. Durante este Experiência 3, vamos realizar juntos a edição de junho do Literatura na Floresta, realizada por Talles todos os últimos domingos do mês (como o nosso Experiência!). Neste mês, o tema do Literatura na Floresta será Trilha de Memórias. Na ocasião, parte da Biblioteca Comunitária virá para a Floresta do Curió, principalmente, o baú infantil, com títulos incríveis para deleite de pequenos e grandes, para descobertas de histórias e momentos de contação entre pais e filhos.

O querido jornalista Demitri Túlio, editor e repórter especial do O POVO, também participará deste Experiência 3, convidado para conversar conosco sobre as Florestas Urbanas, pela edição do Literatura na Floresta. Um dos jornalistas mais premiados do país, Demitri é apaixonado pelo Parque do Cocó, que fotografa há mais de 10 anos, tema de várias reportagens assinadas por ele. Em 2012, publicou a Expedição Cocó, resultado de incríveis 1000 dias de dedicação à floresta, em que despertou nos leitores a consciência da mata no território urbano e a reintegração do homem ao universo de que faz parte. Por seu instagram, @demitritulio empreende reportagens afetivas com temáticas ambientais e provoca os leitores por postagens que incitam a reflexão, como a conservação das dunas do Cocó e da Sabiaguaba e postagens sobre florestas e parques, principalmente, urbanos. Demitri é também escritor de livros infantis.

Além de Talles Azigon, morador do Curió desde que nasceu, estará também conosco Rita de Cássia Silva, articuladora do bairro Curió, que exerceu a pedagogia por muitos anos em turmas de educação infantil e move ações educativas de lazer e leitura, principalmente com crianças da comunidade. Elas nos contará um pouco sobre suas memórias no bairro e suas percepções sobre seu espaço de paz, “muita paz”, como ela se refere ao Curió.

Floresta do Curió
De acordo com a Sema, a Floresta do Curió, localizada no bairro Lagoa Redonda, é a primeira Área de Relevante Interesse Ecológico (ARIE) do Estado do Ceará, instituída pelo Decreto nº 28.333, de 28 de julho de 2006. Funciona, atualmente, com gestão compartilhada da SEMA e do Instituto Natureza Viva.

O espaço equivalente a 80 campos de futebol possui três trilhas bem sombreadas e de fácil acesso para crianças, além de um centro de convivência, que funciona como ponto de apoio aos visitantes e local de palestras e cursos, com banheiros e parquinho. Ao longo do caminho, além de trilharmos por pontes sobre riachos e passarmos por elegantes buritis, é possível conhecer melhor a fauna e a flora regional por legendas indicativas das espécies. Aliás, o local conta com boa sinalização. Na ARIE são realizadas ainda pesquisas científicas.

O projeto Aflorar (Sesc) é também um super amigo do espaço. Durante o ano de 2016, em parceria com a SEMA, promoveu projetos de incentivo à educação ambiental, com ações de proteção, visibilidade e utilização sustentável de áreas verdes de Fortaleza e da Região Metropolitana, para alunos das escolas públicas inseridas no entorno, como o Liceu de Messejana, e no contexto das unidades de conservação do Estado.

 

Trilha do Experiência 3
Na Floresta do Curió, há três opções de trilha, divididas por cores: a vermelha (Pequena), com 2039 m; a verde (média), com 2459 m; e a branca (grande), com 2680M. Vamos fazer a trilha verde. Seremos acompanhados pela Izaura Lila Lima, gestora da Floresta, e Rafaela Queiroz, educadora ambiental do espaço. Elas sabem tudo sobre a fauna e a flora da região e darão conta de todas as nossas dúvidas e as perguntas também da criançada.

 

CONFIRA ABAIXO TODAS AS INFORMAÇÕES PARA PARTICIPAR DO VIDA CIRANDA EXPERIÊNCIA 3: FLORESTA DO CURIÓ

Quando: 24 de junho.
Embarque: às 7h30min.
O local de embarque será enviado por e-mail aos participantes com inscrição já confirmada.
Retorno: às 11h30min.

 

Programação:
7h30min: Boas vindas
7h45min: Embarque no ponto de encontro (local a divulgar para os participantes confirmados)
8h30min: Chegada à Floresta do Curió
8h40min: Lanche parcial
8h45min: Início da trilha
9h40min: Fim da trilha
9h45min: Piquenique, brincadeiras ao livre, disponibilização dos livros da Biblioteca Comunitária.
10h10min: Literatura na Floresta (Livro Livre Curió). Conversas sobre Memórias, Cidadania e a Importância de Preservarmos as Florestas Urbanas, com a presença de Talles Azigon (Biblioteca Comunitária), Demitri Túlio (Jornalista), Rita de Cássia Silva (moradora Curió), Izaura Lila (gestora Floresta do Curió), pais e crianças.
11h : Preparação para retorno e embarque
11h30min: Chegada e desembarque no ponto de encontro (local a divulgar)

OBS: Não nos responsabilizaremos por atrasos. Começaremos pontualmente, para que as crianças possam aproveitar melhor a manhã

 

Quem pode participar?
O Experiência foi pensado para famílias com crianças a partir de 1 ano.

TAXAS
Taxa individual: R$ 40 + doação de 1 livro para a Biblioteca Comunitária do Curió
Três ingressos: R$ 110 + doação de 3 livros
Quatro ingressos: R$ 145 + doação de 4 livros
Cinco Ingressos: R$ 180 + doação de 5 livros
A partir da sexta pessoa do mesmo grupo, o ingresso sai por R$ 35

OBS1: As promoções incidem apenas sobre a taxa a ser paga, mas não invalidam a doação do livro por pessoa participante deste Experiência.

OBS2: As doações de mais de 1 livro por pessoa são muito bem vindas! 🙂 Doe quantos livros você quiser. Sabe aquele livro que você já leu, adorou e quer que a mensagem dele possa também contagiar ou transformar outros leitores? Aproveite! Crianças, adolescentes e adultos leitores da Livro Livre Curió agradecem!

OBS3: Não serão aceitos para doação livros didáticos. Opte por doar livros de literatura brasileira ou de outros países e livros de filosofia, por exemplo. Os títulos podem ser para crianças e adultos.

 

SERVIÇOS INCLUSOS
– Ônibus ida e volta
– Lanche completo
– Trilha com monitores
– Bate-papo com convidados
– Kit Primeiros Socorros (coletivo)

 

PAGAMENTO
1. O pagamento deve ser realizado por depósito ou transferência bancária na conta abaixo discriminada até o dia 22 de junho, sexta-feira anterior ao passeio.
2. Logo após o depósito, favor encaminhar o comprovante com nome completo e idade dos participantes para o celular número (85) 98954 7374 ou email: sara.rebeca.ac@gmail.com.
3. A inscrição do participante estará sujeita à rejeição, caso o número de inscrição ultrapasse o número de 25 vagas acordadas para este passeio. Nesse caso, haverá a devolução do valor depositado.
4. A ordem de ocupação das vagas será organizada mediante ordem de chegada ao Vida Ciranda do comprovante de depósito e nome completo dos participantes. Assim, é importante que você envie o comprovante e as informações solicitadas logo que o depósito for realizado. Opte por se informar se ainda há vagas, pelos contatos mencionados acima, antes de realizar o depósito.
5. Não nos responsabilizamos pela ausência dos participantes, no dia do passeio, ou atrasos que ocasionem a perda do passeio. O dinheiro não será devolvido, sob estas duas hipóteses, por levarmos em consideração que todos os serviços foram contratados e a quantidade de lanche providenciada para o número de inscritos até o dia 22 de maio.
6. Caso haja necessidade de cancelamento prévio da participação, com as taxas já pagas, o dinheiro só será devolvido se a comunicação chegar ao Vida Ciranda com 48 horas antes do dia do passeio (até sexta-feira pela manhã), pelo mesmo motivo citado no item anterior.

Dados da conta
Banco: Caixa Econômica Federal
Agência: 1977
Operação: 013
Conta poupança: 4568-0
CPF: 622.527.043-49
Titular: Sara Rebeca Aguiar de Carvalho

OBS: Não serão aceitos inscrições e pagamentos realizados no dia do passeio, mesmo que a quantidade de vagas disponibilizada não tenha sido completada.

ORIENTAÇÕES IMPORTANTES:

Levar o mínimo
Organize-se para levar o mínimo ao passeio. É indispensável documento de identificação das crianças e dos responsáveis. Não ande com grandes quantias em dinheiro, apenas o suficiente para alguma emergência. Lá, não há quiosques de vendas de serviços extras. Toda alimentação será oferecida pelo Vida Ciranda.

Roupas leves, sandálias ou tênis, acessórios
É essencial ir com roupas leves, que possibilitem movimentos livres do corpo, como camisetas de malha fria e bermudas de tactel, de numeração adequada ao tamanho do corpo. Sandálias também são indicados. Pode também usar tênis. Experimente começar a trilha com os pés calçados e, se sentir que pode caminhar um pouco descalço, bacana. Assim, pode ir sentindo a terra. Acessórios muito indispensáveis: bonés e óculos de sol. Nunca esquecer: protetor solar. Opcional: repelente.

Garrafinha de água
Pedimos que todos levem suas garrafinhas particulares de água. Lá, teremos água para todos, a fim de reabastecermos as garrafinhas.

Primeiros Socorros
Teremos um kit coletivo de primeiros socorros com: tesoura, termômetro, luvas, anti-alérgico líquido (Polaramine) e em creme (Histamin) para ferimentos e picadas de insetos; anti-térmico e analgésico (Novalgina), antisséptico (Kuramed), álcool em gel para limpeza das mãos, soro fisiológico, seringas, esparadrapo, algodão, band-aid, gazes, ataduras, lenços, repelente de insetos e cotonetes. Caso a criança ou o adulto não utilize algum dos remédios descritos e faça uso de uma medicação específica, não esqueça de pô-la na bolsa.

Lanches
Nosso lanche será todo em homenagem às festas juninas. Serviremos frutas, salada de frutas, aveia, granola, sucos naturais de fruta, café, chá, aluá, bolo de milho, bolo de pé de moleque, canjica, pamonha, mungunzá, cuscuz, milho cozido. Fique à vontade para levar outra refeição, principalmente às crianças, que melhor seja aceita ao paladar delas. Pelo Experiência, prezamos por alimentação saudável, o mais natural possível.

Todas as comidas típicas que serão servidas no nosso piquenique junino serão produzidas por pequenos produtores da comunidade, como a Noélia, que, dizem, fazem um aluá “divino”.

Segurança
De acordo com a Sema, há uma parceria com o Grupo Telles, para segurança do espaço. Os seguranças ficam em movimento constante pela Floresta.

Registros das crianças
Se possível, disponibilize câmeras fotográficas às crianças para que elas próprias possam fazer registros (fotos e vídeos) de suas percepções do espaço. Você vai se surpreender com o resultado. Você pode incentivá-los a expressar o que sentiram durante o passeio também por desenhos. Compartilhem o que colheram com o Vida Ciranda! =)

Endereço da Floresta do Curió
Avenida Professor José Arthur de Carvalho, 644-1002 – Lagoa Redonda, Fortaleza – CE, 60831-370

O QUE É O VIDA CIRANDA EXPERIÊNCIA?
O Experiência é uma iniciativa do movimento Vida Ciranda, que pensa as educações e as infâncias de maneira questionada e questionadora, responsável, comprometida com o meio ambiente, com o outro e consigo por meio de seus atores. Utiliza-se como difusor de informações o jornalismo especializado nas duas áreas por este site Vida Ciranda, direcionado aos pais, às famílias. O site está no ar há onze meses. É conduzido por Sara Rebeca Aguiar, jornalista e professora há quase quinze anos, com experiência e formação nas duas áreas. Também educomunicadora, pesquisa a relação tecnologia, infância e literatura infantojuvenil.

Estamos na terceira edição do Vida Ciranda Experiência. A primeira aconteceu no Ecomuseu Natural do Mangue, no dia 21 de abril. A segunda aconteceu na Barra do Ceará, pela navegação pelo rio Ceará, no dia 27 de maio. O projeto Experiência, dentro do Vida Ciranda, foi pensado a fim de incentivar a cidadania infantil desde cedo, no direito de que todas as crianças têm à cidade onde moram. Pelo Experiência, quer se estimular o tempo de qualidade entre pais e filhos, e criar vínculos afetivos e sentimento de pertencimento com o espaço onde vivem. Partimos da concepção de que ninguém cuida direito daquilo que não conhece ou que não tem qualquer laço afetivo.  É enorme o poder do cuidado quando a história do lugar passa também pela história particular de cada um.

O Experiência propõe passeios por Fortaleza e Região Metropolitana. Todos os meses, nas primeiras segundas feiras, é lançado um novo lugar que deve ser experienciado no último domingo do mês em curso. A taxa de participação varia de acordo com o local a ser visitado e o que será oferecido ao participante.

Confira matéria produzida pelo jornal Bom Dia Ceará, na Floresta do Curió, em um dos nossos passeios, ano passado, promovido pelo projeto Re-conhecendo Fortaleza, do Vida Ciranda:

https://globoplay.globo.com/v/6119443/

Acompanhe o Vida Ciranda:
Instagram: @vidaciranda
Facebook: Vida Ciranda
Twitter: Vida Ciranda
Canal Youtube: Vida Ciranda

Acompanhe Talles Azigon e a Livro Livre Curió – Biblioteca Comunitária
Talles Azigon: @tallesazigon
Facebook: https://www.facebook.com/livrolivrecurio/

Seja um apoiador da Livro Livre Curió – Biblioteca Comunitária, pela plataforma de financiamento colaborativo Apoia-se. É simples, rápido, fácil e seguro.
https://apoia.se/livrolivrecurio

Assista a entrevista que fizemos com Talles Azigon, publicada semana passada:

Acompanhe o jornalista Demitri Túlio e suas reportagens afetivas
Instagram: @demitritulio